Só quem já foi a Paris sabe quão emocionante é se deparar com a Torre Eiffel pela primeira vez. E pela segunda, pela terceira… O ícone da capital francesa é um dos mais famosos em todo o mundo, atraindo frequentemente turistas de todos os lugares possíveis.

Quando Paris é o foco, a viagem pode ser de diversos tipos diferentes: é ótima para quem gosta de conhecer lugares novos e é ideal para os apaixonados que se beijam diante do túmulo de Heloise e Abelard no gigante Père-Lanchaise – sendo nesse mesmo cemitério que estão enterrados Jim Morrison, Oscar Wilde e Édith Piaf, só para citar alguns nomes.


E, se você sempre quis ver a pequena grande Mona Lisa, o lugar é o Louvre, um dos maiores do mundo. Para quem gosta de fazer compras, a Champs-Élysées é parada obrigatória e, se o seu sonho é conhecer a imensidão do Castelo de Versailles, dá para fazer isso também. Sem nunca deixar de visitar Montmartre, é claro, para conferir a arte brotando da rua, visitar o Sacre Coeur e tomar um café no Le Deux Moulins, famoso depois de “O Fabuloso Destino de Amélie Poulain”.

Enfim… Você vai ter a agenda cheia com o tipo de programação que mais faz a sua cabeça quando for a Paris. Mas, uma vez na Cidade Luz, não ouse deixar de conhecer a Torre Eiffel. E, se você gosta de saber mais a respeito dos lugares que visita, confira algumas curiosidades incríveis a respeito da imensa estrutura:

  • O nome é uma homenagem ao responsável pelo design da torre, o engenheiro Gustave Eiffel. Ele já havia desenhado outros monumentos, pontes e, inclusive, é o responsável pela armadura da Estátua da Liberdade;
  • A Torre Eiffel foi originalmente planejada para Barcelona, para a Exposição Universal de 1888, mas o projeto não foi aprovado. No ano seguinte, Eiffel apresentou a mesma ideia a Paris e, dessa vez, ouviu um “sim” como resposta;
  • A torre não foi construída em Barcelona sob a alegação de ser “muito cara e estranha”;
  • Ao todo, 50 engenheiros participaram da construção da torre e da análise dos 5.300 desenhos que o projeto continha, detalhando cada centímetro da estrutura;

  • Todas as 18 mil partes metálicas da torre foram construídas separadamente;
  • Mesmo sendo uma construção de alto risco, principalmente pela falta de itens de segurança comuns atualmente, “apenas” um homem morreu durante a construção da estrutura;
  • As obras começaram em 1887 e terminaram no dia 31 de março de 1889;
  • A torre pesa 10.100 toneladas;
  • Durante o tempo de construção, muitos protestos aconteceram pedindo para que a obra fosse interrompida;
  • Mesmo depois de terminada a sua construção, o monumento era rejeitado por muitos parisienses. O escritor Guy de Maupassant era uma das pessoas que não gostava da Torre, mas ia almoçar em seu restaurante todos os dias. Quando questionado a respeito desse desprezo e do fato de ir almoçar no restaurante da torre, Maupassant respondeu que almoçava lá porque era o único lugar em Paris onde não se pode ver a estrutura;


  • Graças aos rabugentos que não gostavam da novidade, a torre seria destruída depois de 20 anos. Felizmente, ela permaneceu intacta mesmo depois que o prazo expirou. Com o passar do tempo, as pessoas começaram a gostar da estrutura e hoje os parisienses a amam;
  • A Torre Eiffel também foi ocupada por alemães durante a Segunda Guerra Mundial. Os franceses cortaram os cabos que facilitavam a subida à torre. Hitler teria que enfrentar os 1.665 degraus se quisesse subir ao topo da estrutura. Bem feito. Durante sua estadia em Paris, Hitler nunca subiu ao topo;
  • Com a liberação de Paris em 1944, a Torre Eiffel se tornou um símbolo da liberdade francesa quando uma bandeira da nação foi colocada no topo da estrutura;
  • Para proteger o metal, a torre é coberta com uma tinta especial que evita o envelhecimento do material. É difícil perceber, mas ela é pintada em três tons diferentes de tinta, sendo que o tom mais claro está no topo da Dama de Ferro, como também é conhecida. O tom mais escuro fica na extremidade de baixo;
  • A torre precisa ser repintada a cada sete anos – esse processo leva entre 15 e 18 meses;
  • A torre é o ponto turístico mais visitado do mundo;

  • Estima-se que 200 milhões de pessoas já estiveram diante da torre desde a sua construção;
  • A estrutura tem 324 metros de altura, o equivalente a um prédio de 108 andares;
  • A construção tem três níveis, sendo que todos estão abertos à visitação, normalmente. Os dois primeiros são acessíveis por elevadores ou pelas escadas. Para ir ao terceiro, só com elevador;
  • É importante que você visite a torre também à noite para ver o show de luzes que os 20 mil pontos iluminados garantem ao local;
  • A torre é localizada no centro de Paris, no Parc du Champ de Mars. Você pode ir até ela de metrô. Se esse for o caso, desça na estação Trocadèro – assim a sua primeira vista do monumento vai ser da praça Trocadèro, o que vai deixar o momento ainda mais inesquecível;

Deixe seu comentário

comentários